OTIMISMO PARA A SAFRA DE SOJA

 

O Rio Grande do SUL deu início a colheita da soja safra 2016/17. A projeção aponta para a maior safra da história no estado, bem como a nível de Brasil. Conforme a última projeção da Companhia Nacional de Abastecimento, CONAB, O Brasil pode ultrapassar as 106 milhões de toneladas de soja nesta safra em uma área de mais de 33 milhões de hectares. Já segundo a EMATER, no Rio Grande do Sul, a cultura está com 22% em floração, 60% em enchimento de grãos, sendo que o restante está em fase de maturação e colheita.

Em Ibirubá, na área de abrangência da Coopeagri, a cultura da soja, segundo o Coordenador da área técnica da Coopeagri, Engenheiro Agrônomo Fernando Campos da Costa, o atual estágio de desenvolvimento da cultura aponta para uma excelente produtividade, sendo que a maioria das lavouras estão em fase de enchimento de grãos. A felicidade dos agricultores frente a perspectiva de uma excelente produção é visível em toda a região, embora as cotações da soja e do dólar estejam em baixa. A expectativa de colheita das primeiras áreas está projetada para o final da segunda quinzena de fevereiro.

A equipe técnica está junto com os associados monitorando as lavouras e atentos às doenças de final de ciclo que quando ocorrem causam enorme prejuízo, pois causam muita perda de peso no grão.

A Coopeagri está efetuando muitas melhorias na Unidade de Grãos para agilizar o serviço e a exemplo do ano passado está pronta para receber a nova safra.